» Colunas » Saúde

15/10/2015
Câncer: fosfoetalonamina feita pela USP causa polêmica

Como funciona em tese a fosfoetalonamina, droga  contra o câncer sintetizada na USP de São Carlos e liberada pela Justiça, gerando polêmica entre os crentes e os descrentes.

Molécula
A droga é uma versão sintetizada de uma molécula existente em nosso organismo. Foi proposto que ela seria uma defesa natural do corpo contra o câncer.


Fígado
Antes de entrar na corrente sanguínea, a droga é metabolizada no fígado, o composto formado com a participação de um ácido graxo é que tem potencial de atacar as células do tumor.


Sinal
O composto tem a capacidade de fazer com que a mitocôndria (preferencialmente aquelas de células cancerosas) mande um sinal para o organismo de que aquela célula deve ser destruída.


Ataque
Com o sinal, células NK (natural killer) chegam ao tumor e atacam aquelas que estão mandando o sinal. Com isso o tumor diminui e pode até mesmo desaparecer, como aconteceu em testes.

Veja reportagem sobre a droga na TV Caieiras  - ícone de acesso na 1ª página ou 

http://www.tvcaieiras.com.br


Net

Leia outras matérias desta seção
 » Doenças transmitidas por animais
 » Canabidiol (maconha) ajuda na dor crônica
 » Idosos alguns cuidados para se manter vivo
 » Alisar cabelo - os perigos
 » O idoso e a demência
 » Coronavac 3ª dose porque tomar
 » Covid19 - Atualização
 » Coronavac x doenças autoimunes
 » Imunização contra covid está comprometida
 » O vírus de Marburg - mais um perigoso
 » Leishmaniose tem mecanismo desvendado
 » Nova abordagem para metástese
 » Quais as diferenças entre as vacinas
 » Coronavírus: A variante Indiana
 » Cárie infantil RX não é indicado
 » Vacinas quando tomar a 2ª dose
 » Vacinas: quanto tempo dura a proteção?
 » CoronaVac para além dos anticorpos
 » Vacinar 15% da população é
 » Coronavírus só a idade não é fator determinante


Voltar