» Colunas » Economia

26/01/2009
Fundos de previdência, renda variável

Para quem tem plano de previdência privada, uma das dúvidas mais angustiante é quanto aplicar em renda fixa e quanto aplicar em renda variável (ações). Depois do "estouro da bolsa" no ano passado, muita gente simplesmente zerou a participação em renda variável. Uma sugestão é aplicar a regra 70 menos a idade, o resultado é o porcentual que pode ser aplicado. Exemplo: Se voce tem 58 anos de idade, subtraia de 70 o resultado igual a 12 é a porcentagem aplicável. (70-58=12). Assim, numa aplicação total de  R$ 10 mil em plano de previdência, R$ 8.800,00 seriam aplicados em renda fixa e R$ 1.200,00 em renda variável.

Edson Navarro-economista

Leia outras matérias desta seção
 » Simples Nacional terá limite aumentado diz Deputado Bertaiolli
 » Gasolina e Diesel aumentam e sobra blá blá blá
 » Vai se aposentar? veja as novas regras
 » COP26: preço de petróleo deverá despencar nos próximos 15 anos
 » Os riscos do open banking (Banco aberto)
 » Mais imposto: IOF sobe
 » Estagflação em 2022 ?
 » Paulo Guedes, o Faria Loser
 » Atenção ladroagem nacional
 » FGTS: Lucros serão depositados veja como sacar
 » Energia elétrica sobe muito este mês e não para
 » Suspensão dos contratos de trabalho
 » Reforma tributária quando ? provavelmente nunca
 » I.Renda não caia na malha fina
 » A inflação real 2020-2021 e os preços em 1997
 » Carta dos Economistas dura e realista
 » vacina contra o covid19 x atraso tecnológico
 » Como economizar milhões com o bolso alheio
 » Como arrombar um orçamento
 » Quem prometeu cabide de emprego não vai cumprir



Voltar