» Colunas » Economia

26/01/2009
Fundos de previdência, renda variável

Para quem tem plano de previdência privada, uma das dúvidas mais angustiante é quanto aplicar em renda fixa e quanto aplicar em renda variável (ações). Depois do "estouro da bolsa" no ano passado, muita gente simplesmente zerou a participação em renda variável. Uma sugestão é aplicar a regra 70 menos a idade, o resultado é o porcentual que pode ser aplicado. Exemplo: Se voce tem 58 anos de idade, subtraia de 70 o resultado igual a 12 é a porcentagem aplicável. (70-58=12). Assim, numa aplicação total de  R$ 10 mil em plano de previdência, R$ 8.800,00 seriam aplicados em renda fixa e R$ 1.200,00 em renda variável.

Edson Navarro-economista

Leia outras matérias desta seção
 » Selic a 2% o Banco Central errou feio.....
 » Debate no Instituto de economia da Unicamp
 » TCE: Iprem Caieiras, má administração,irregularidades e prejuízo
 » Tributar Livros e Jornais
 » Planos de Saúde estão proibidos de reajustar
 » Nova gasolina:perguntas e respostas
 » Reforma Tributária
 » Declaração I.Renda do MEI
 » Organizações Sociais o peso da corrupção
 » Licitação: erros primários ou propositais?
 » Coronavírus vai custar caro para Caieiras
 » Pequenas empresas: sobrevivência a pandemia
 » Guedes inventa um pássaro sem asas
 » Redução de jornada e salário e suspensão de contratos
 » Crédito para micro e pequenas empresas
 » Redução do salário e jornada de trabalho-STF
 » Coronavírus vai deixar uma herança amarga
 » Na crise use a criatividade
 » Coronavírus:respiradores, a improvisação nacional
 » Coronavírus: Dia da mentira ou dos políticos, como queiram



Voltar