» Colunas » Saúde

26/11/2008
Idade afeta sensibilidade ao frio, diz estudo

Pessoas mais velhas, acima de 60 anos, sofrem mais com frio. Efeito vem da dificuldade maior de manter a temperatura corporal.

Será que a idade afeta a capacidade das pessoas de resistir ao frio?

Estudos descobriram que a resposta do corpo ao frio muda significativamente ao longo da vida. Pessoas mais velhas, especialmente homens com mais de 60 anos, são menos capazes de manter sua temperatura diante de uma exposição ao frio em comparação a pessoas mais jovens.

Mas um estudo finlandês de 2002 publicado no "The International Journal of Sports Medicine" também observou que pessoas mais velhas têm uma redução na sensibilidade da pele ao frio e uma redução subjetiva da percepção do frio, fazendo então com que eles reajam mais lentamente para proteger a si próprios e mais vulneráveis à morte por hipotermia.

A reação protetora da pele de constringir veias da superfície fica mais lenta com o passar da idade, e o aumento induzido pelo frio da taxa metabólica também é enfraquecido em pessoas mais velhas, mas esse mecanismo ainda é desconhecido.

A sensibilidade ao frio em qualquer idade está relacionada a uma saúde em geral comprometida, especialmente índices de massa corporal anormalmente baixos e outros fatores, como disfunção da tireóide. Assim, pessoas com esses problemas podem se sentir mais desconfortáveis no frio.

Ao analisar a sensibilidade à temperatura da superfície do corpo ao longo da vida, um estudo de 1998 publicado no periódico "Somatosensory & Motor Research" revelou que as maiores mudanças relacionadas à idade ocorriam nas extremidades, especialmente nos pés.

G1

Leia outras matérias desta seção
 » Coronavírus o que temos hoje para combater
 » Própolis vermelha é anticancerígena
 » Catarata: proteína pode estar ligada a ela
 » Coronavírus: Vitamina D ajuda
 » Bactérias da Antartica contra o câncer
 » Corticóides contra o coronavírus
 » Zolgensma o absurdo de US$ 2 milhões
 » Com tratamento precoce risco de morte cai
 » Colchicina age contra o coronavírus
 » Tuberculose novos fármacos para o futuro
 » Coronavírus: perda repentina do olfato
 » Coma Ovo.....ou não ?
 » Guaraná contra o diabetes tipo 2
 » Nova terapia para o mal de Parkinson
 » Coronavírus são seis tipos com sintomas diferentes
 » Coronavírus: teste pelo plano de saúde
 » A pandemia e a depressão em crianças
 » Coronavírus x tipo sanguineo
 » Pomada para feridas diabéticas
 » Coronavírus:Omega 3 x Covid19


Voltar