» Colunas » Saúde

14/10/2011
Regeneração macular por peptídeos retilínicos

Noticias

Complicações do Diabetes
12/10/2011 - Fonte: Revista Fator  

A médica e pesquisadora russa Svetlana Trovimova apresentou este fim de semana no Congresso Latino-Americano da World Society of Anti-aging Medicine, realizado em São Paulo, a saída para o mal que atinge 75% dos portadores de diabetes. O uso de peptídeos retilínicos pode revolucionar o tratamento hoje utilizado para combater a hemorragia dos vasos sanguíneos da retina.

As pesquisas desenvolvidas por Trovimova no Instituto de Biorregulação e Gerontologia A Árvore da Vida, em São Petersburgo, apontou para resultados positivos e sem efeito adverso. Resultados de estudos clínicos em pacientes com degeneração macular mostram reversão do edema da retina e aumento da acuidade visual em 71%, após tratamento de dez dias com peptídeos retilínicos. “Após o teste com eletrofisiologia, a área de visão aumentou mais de duas vezes”, aponta a médica.

A oftalmologista defende que “é preciso fazer um tratamento integrado com peptídeos de pâncreas para regular os mecanismos de carboidratos – e equilibrar os níveis de açúcar no corpo para que o resultado seja mais completo", ressalta. Ela conta que o tratamento feito com pacientes diabéticos resultou na queda do índice de açúcar e aumento do campo de visão.

"É preciso ressaltar que o tratamento deve se repetir de duas a três vezes por ano para que a retina permaneça estabilizada", diz a médica que condenou o tratamento feito hoje no Brasil para retinopatia diabética, já que a aplicação do raio laser é apenas uma tentativa de prevenir o processo de hemorragia nos vasos já dilatados, o que não evita que mais edemas se formem. Ela aponta também dados à retina com o uso do laser. Segundo ela, o futuro dos tratamentos para doenças oculares severas é a utilização de peptídeos, cuja aplicação se dá por meio de injeção.



Leia outras matérias desta seção
 » Carambola uma fruta neurotóxica
 » Cardíacos e Idosos muita cautela em tomar Aspirina
 » Doenças transmitidas por animais
 » Canabidiol (maconha) ajuda na dor crônica
 » Idosos alguns cuidados para se manter vivo
 » Alisar cabelo - os perigos
 » O idoso e a demência
 » Coronavac 3ª dose porque tomar
 » Covid19 - Atualização
 » Coronavac x doenças autoimunes
 » Imunização contra covid está comprometida
 » O vírus de Marburg - mais um perigoso
 » Leishmaniose tem mecanismo desvendado
 » Nova abordagem para metástese
 » Quais as diferenças entre as vacinas
 » Coronavírus: A variante Indiana
 » Cárie infantil RX não é indicado
 » Vacinas quando tomar a 2ª dose
 » Vacinas: quanto tempo dura a proteção?
 » CoronaVac para além dos anticorpos


Voltar