» Colunas » Saúde

26/04/2019
SUS entendendo seu atendimento

Entendendo um pouco do SUS

Apesar de já ter completado 30 anos, o maior Sistema Gratuito de Saúde do mundo ainda é alvo de descrédito de grande parte da população. Parte disso se deve a falta de financiamento adequado, baixa qualidade na gestão de muitos dos serviços oferecidos, além do desconhecimento da sua organização e seus princípios de funcionamento.

Por exemplo, você sabe qual é a diferença entre UBS e UPA ?

As Unidades Básicas de Saúde (UBS) são também conhecidas como “Postos de Saúde”. São locais onde é oferecido o atendimento de rotina: consultas, tratamentos e vacinas. Esse atendimento pode ser para a saúde da criança, da mulher, do adulto e do idoso, além do acesso a medicamentos e outros atendimentos chamados primários. Exemplos: o pré-natal das gestantes e o acompanhamento de doenças crônicas como diabetes e hipertensão devem acontecer na UBS.

A UBS resolve 80% dos problemas de saúde da população de sua área de abrangência e contribui para o aumento da qualidade de vida e a redução dos encaminhamentos aos hospitais.

As Unidades de Pronto Atendimento (UPAs 24h) fazem parte da rede de atendimento à urgência e emergência do SUS. São responsáveis por prestar atendimento de média complexidade, como vítimas de acidentes e problemas cardíacos e contribuem para desafogar as urgências dos hospitais do SUS. São exemplos de demandas adequadas à UPA: pressão e febre alta, fraturas, cortes, infartos e derrames.

Nessas unidades, o paciente é avaliado de acordo com a classificação de risco, podendo ser liberado ou permanecer em observação por até 24 horas, ou se necessário, ser removido para um hospital de referência.

Nas localidades em que estão em pleno funcionamento, as UPAs dão conta de atender, sem necessidade de encaminhamento ao pronto-socorro hospitalar, 90% dos pacientes que as procuram.

Glalco Cyriaco



Leia outras matérias desta seção
 » Carambola uma fruta neurotóxica
 » Cardíacos e Idosos muita cautela em tomar Aspirina
 » Doenças transmitidas por animais
 » Canabidiol (maconha) ajuda na dor crônica
 » Idosos alguns cuidados para se manter vivo
 » Alisar cabelo - os perigos
 » O idoso e a demência
 » Coronavac 3ª dose porque tomar
 » Covid19 - Atualização
 » Coronavac x doenças autoimunes
 » Imunização contra covid está comprometida
 » O vírus de Marburg - mais um perigoso
 » Leishmaniose tem mecanismo desvendado
 » Nova abordagem para metástese
 » Quais as diferenças entre as vacinas
 » Coronavírus: A variante Indiana
 » Cárie infantil RX não é indicado
 » Vacinas quando tomar a 2ª dose
 » Vacinas: quanto tempo dura a proteção?
 » CoronaVac para além dos anticorpos


Voltar