» Colunas » Editorial

17/05/2010
O choque de gestão que o Hamamoto precisa

Choque de gestão para o Hamamoto resolver seus problemas!
Seis propostas básicas:

l - Reforma administrativa de cargos e salários, com recadastramento dos servidores, enxugando ao máximo a máquina.

2 – Reforma administrativa da gestão das secretarias tornando claras as atribuições de cada uma. (incluir o gabinete do prefeito)

3 – A secretaria da fazenda ou ditadura da fazenda deve ser desativada, deixando essa pasta para cuidar exclusivamente das atribuições de arrecadação, pode prestar serviço a outras secretarias, mas nunca decidir.

4 – Cada secretário deve assumir a responsabilidade total pela sua secretaria, como administrar seu orçamento, isso implica em acompanhar diariamente a execução orçamentária que tem sido uma das caixas pretas da prefeitura, mantida a sete chaves pela fazenda, com objetivo óbvio de manter o poder sôbre as demais.


5 – Cada secretário deve seguir a rotina completa da administração pública, ou seja: requisitar, comprar (esse serviço deve ser executado pelo administrativo e não pela fazenda, que deve apenas fornecer a disponibilidade de verba orçamentária, mandar licitar, assinar a nota de empenho, contratos, nota de liquidação de empenho e finalmente mandar pagar. ( o secretário assume o processo legal completo).


6- Os conselhos municipais que tem poder gestor devem receber o mesmo tratamento, com pessoal qualificado e capacitado e não serem conselheiros porque são vaquinhas de presépio e assinem qualquer coisa.

Em consequência o prefeito fica livre para decidir sobre assuntos importantes para o município e cobrar a atuação dos secretários, estes  caso não correspondam ou não acompanhem o ritmo necessário, é só trocar. E ainda tem aquela vantagem adicional, o prefeito nunca vai ser responsabilizado pelas bobagens de boa fé ou de má fé cometidas pelos subordinados, exceto se for conivente.

Obs. é claro que a pré histórica fazenda vai dizer que nada disso é possível.



edson navarro

Leia outras matérias desta seção
 » Caieiras:Multas de trânsito,para onde está indo o dinheiro
 » De filantrópica para Estatal será que muda?
 » Mais de 20 anos depois o Gaema descobre o maior lixão do Brasil
 » TCE adverte Lagoinha, começou cedo!
 » Saúde desnorteada, perigosa e desrespeitosa
 » Lixão: Povo pretende protestar
 » A Lei que choveu no molhado
 » Lei bola de cristal...os políticos videntes
 » Caieiras: A vacina é escassa
 » O prefeito de Caieiras e seu secretariado "alienígena"
 » Previsões para 2021 de Nostradamus
 » Ecos de um governo desastrado
 » Os presentes indesejáveis do TCE
 » Identificadas as forças ocultas que derrotaram Gersinho
 » Limpe tudo e entre na Casa limpa, Lagoinha.
 » O lixo que nunca acaba
 » A velha política: dividir para ganhar
 » Liberdade de Imprensa: se acabar as outras não sobreviverão!
 » Caieiras:TCE aponta 33% de sobre preço em cestas básicas
 » Caieiras: Se sair mais do que entra "nóis quebra"



Voltar