» Colunas » Editorial

01/06/2012
O fator vice

 

    O fator vice, ou como se perder uma eleição para prefeito, escolhendo o candidato a vice errado.

    A história mostra que a opção pelo nome errado liquida candidaturas tidas como imbatíveis. Acontece em todos os cantos do País e Caieiras não poderia ser diferente.

    Para o atual pleito, já se comenta alguns  nomes como pré candidato a vice prefeito.

    No  PT,  o Dr.Jorge Araujo seria o vice de Miranda. Jorge é, talvez, o único sobrevivente do grupo dos emancipadores. Mais do que ser  um bom nome é uma homenagem justa ao estimado advogado.

    Quanto a Hamamoto, nada se fala se Gersinho continua ou sai.

    Outro pré-candidato, comentado como vice de Névio Dartora, Valdir Pereira, é forasteiro e o eleitor caieirense não costuma perdoar essa falta de raízes, pensa objetivamente  em quem vai substituir o titular, caso seja necessário.

    Essa posição conservadora  é bem própria do caieirense, principalmente dos melhoramentinos e seus descententes, que viraram minoria da população, mas ainda são ferrenhos formadores de opinião pública, subestimá-los pode ser um erro fatal.
 


Edson Navarro

Leia outras matérias desta seção
 » Terceirizar a saúde vale a pena?
 » Operação Castelo de Areia a Fênix
 » Direito ou abuso adquirido ?
 » Errar é humano mas persistir no erro é .....
 » É você Satanás ?
 » T.Contas aponta finanças deteriorando
 » Como entrar no anedotário nacional
 » A burrocracia na saúde mata crianças
 » T.Contas SP algoz? implacável? . Nada disso.
 » Tribunal de Contas o implacável
 » Autoridades: os abusos vão acabar?
 » Imbróglio medicamentoso
 » Marcio Menegatti uma história real
 » Europa genocida
 » Tribunal de Contas x Prefeitura
 » Tribunal de Contas age e breca licitação
 » Homenagem a Lei Anticorrupção
 » O mundo mudou, os políticos não!
 » 9 de Julho: a vitória política
 » PROERD da Polícia Militar



Voltar