» Colunas » Editorial

06/02/2019
Caieiras homenageia República de Nagorno que não existe

É o fim da picada

Leis aprovadas em SP levam Itamaraty a alertar cidades sobre mal-estar com o Azerbaijão

Cidades paulistas se declararam irmãs de localidades na República de Nagorno-Karabakh, território do Azerbaijão que já foi alvo de conflito territorial com a vizinha Armênia.

PL (Projetos de Lei) aprovados pela Câmara Municipal de Caieiras

Ementa: Armênia Eterna, o nome que declara Cidades Irmãs os Municípios de Caieiras/SP e Ste[ PL 5488/2018 - Projeto de Lei ]panakert, Capital da Autodeclarada República de Nagorno-Karabakh e dá outras providências

Data Apresentação: 02/05/2018

Autor:

Localização Atual: Plenário

Situação: Aprovado

Última Ação: - Em: 02/05/2018

 

[ PL 5487/2018 - Projeto de Lei ]

Ementa: sobre Armênia Eterna, o nome que declara Cidades Irmãs os Municípios de Caieiras/SP e Sushi, Capital da Autodeclarada República de Nagorno-Karabakh e dá outras providências – Encaminhado às Comissões, para Parecer.

Data Apresentação: 02/05/2018

Autor:

Localização Atual: Plenário

Situação: Aprovado

Última Ação: - Em: 02/05/2018

 

Dois municípios do estado de São Paulo receberam alertas do Ministério das Relações Exteriores por, de certa forma, se envolverem numa disputa territorial que ocorre a quase 13 mil quilômetros do Brasil. Mairiporã e Pilar do Sul se declararam cidades-irmãs de duas localidades na República de Nagorno-Karabakh – um território de maioria armênia dentro do Azerbaijão.

O problema é que o Brasil não reconhece a República de Nagorno-Karabakh como independente. Aliás, nenhum país integrante da Organização das Nações Unidas (ONU) reconhece. Nem mesmo a Armênia (leia mais sobre o assunto mais abaixo).

Segundo o Itamaraty, o governo do Azerbaijão, por meio de sua embaixada, pediu explicações ao Brasil. As duas leis municipais aprovadas mencionam nominalmente os termos "Armênia Eterna" e "autodeclarada República de Nagorno-Karabakh". Para o Ministério de Relações Exteriores, elas poderiam afetar as boas relações com o Azerbaijão.

 


G1-Globo

Leia outras matérias desta seção
 » Orçamento Público anual é preciso aprender e acompanhar
 » Terceirizar a saúde vale a pena?
 » Operação Castelo de Areia a Fênix
 » Direito ou abuso adquirido ?
 » Errar é humano mas persistir no erro é .....
 » É você Satanás ?
 » T.Contas aponta finanças deteriorando
 » Como entrar no anedotário nacional
 » A burrocracia na saúde mata crianças
 » T.Contas SP algoz? implacável? . Nada disso.
 » Tribunal de Contas o implacável
 » Autoridades: os abusos vão acabar?
 » Imbróglio medicamentoso
 » Marcio Menegatti uma história real
 » Europa genocida
 » Tribunal de Contas x Prefeitura
 » Tribunal de Contas age e breca licitação
 » Homenagem a Lei Anticorrupção
 » O mundo mudou, os políticos não!
 » 9 de Julho: a vitória política



Voltar