» Colunas » Editorial

18/02/2019
Favor não alegar ignorância

Segundo moradores nas imediações da Av. Marcelino Bressiani, dentro da reserva florestal do Real Parque foi aberta uma estrada para colocação de tubulação de àguas pluviais.

O problema estaria no topo dessa estrada, onde está sendo feita uma terraplanagem deixando um barranco de mais de 50 metros de aclive. É só dar uma chuva forte e as casas na Av. Marcelino serão soterradas, dizem as pessoas residentes no local.

Os moradores não sabem de quem é a obra, se da prefeitura, da sabesp ou do próprio Real Parque. Não existe placa indicativa e o tratorista quando questionado disse ser da prefeitura.

Os munícipes que estão sentindo-se prejudicados procuraram um vereador que alegou que o problema é do prefeito, não dele. Mas orientou as pessoas a procurarem a Delegacia de Polícia, a Defesa Civil ou a Promotoria Pública já que o risco de morte é iminente.

Outra dúvida levantada é ser o local àrea de APP (Área de Preservação Permanente) e o trator passou por cima das àrvores, reserva de Mata Atlântica.

A Redação tentou entrar em contato com o prefeito gersinho mas não obteve resposta.


jas

Leia outras matérias desta seção
 » Imbróglio medicamentoso
 » Marcio Menegatti uma história real
 » Europa genocida
 » Tribunal de Contas x Prefeitura
 » Tribunal de Contas age e breca licitação
 » Homenagem a Lei Anticorrupção
 » O mundo mudou, os políticos não!
 » 9 de Julho: a vitória política
 » PROERD da Polícia Militar
 » Resposta ao meu amigo Osvaldo
 » Lixão: Vox Populi Vox Dei
 » Ampliação do lixão, vale a pena lutar contra ?
 » Colecionando improbidade administrativa
 » Como afastar um Prefeito
 » O Jornalismo
 » Caieiras um Município Carente na TV
 » ITBI não sobe e Lei tem falha
 » Carnaval ainda é cultura popular?
 » Favor não alegar ignorância
 » O Mar de cocô



Voltar