22/01/2021
O Google te conta tudo

Qualquer pergunta que se tem a fazer sempre o Google da internet está pronto para responder. Exageradamente eclético, ele tem respostas para qualquer pergunta que lhe façam sobre uma infinidade de temas ou fatos pertencentes a este mundo e às vezes também de outro mundo e não engana ninguém (risos). Encontrei nele, no Google, um fato muito interessante que em parte reproduzo aqui abaixo:

O texto que publico abaixo é da autoria de Geraldo Lemos Neto baseado em suas conversas com Chico Xavier.

(…) Perguntei ao Chico sobre Hitler. Onde estaria o espírito de Hitler? Chico então me contou uma história muito interessante. Segundo ele, imediatamente após a sua desencarnação, o espírito de Hitler recebeu das Altas Esferas uma sentença de ficar 1.000 anos terrestres em regime de solitária numa prisão espiritual situada no planeta Plutão. Chico explicou-me que esta providência foi necessária não somente pelo aspecto da pena que se lhe imputara aos erros clamorosos, mas também em função da Misericórdia Celeste em protegê-los da horda de milhões de almas vingativas que não o haviam perdoado os deslizes lamentáveis. Durante este período de 10 séculos em absoluta solidão ele seria chamado a meditar mais profundamente sobre os enganos cometidos e então teria nova chance de recomeçar na estrada evolutiva.

https://espiritismodaalma.wordpress.com/2015/05/01/onde-estaria-o-espirito-de-hitler/

O texto não aborda se lá em Plutão existem espíritos carcereiros para impedir que tal criatura tão perigosa possa fugir do seu confinamento numa solitária espiritual. Será que os espíritos do Josef Stalin da Rússia e do Mao Tse-Tung da China que foram responsáveis pelas mortes de milhões e milhões de pessoas a mais do que o Hitler também estarão restritos numa solitária lá em Plutão por mil anos? Estranho eles não terem ido pro inferno e ainda terem “nova chance de recomeçar na estrada evolutiva”. Mas, quem sou eu para estranhar acontecimentos que ocorrem em outro mundo se nem dos muitos que ocorrem aqui neste mundo eu fico sabendo? E eu quando era criança pensava que adultos existiam. Hoje como sou adulto confesso que me enganei.

Altino Olimpio



Leia outras matérias desta seção
 » Humanidade atropelada pelas mudanças
 » Amor ao próximo tão distante
 » Só os velhos vivem sem ilusões
 » Brasil muito atrasado
 » O livre-arbítrio desapareceu
 » É verdade que são mentiras
 » O Continente fantasia
 » Nós sempre somos consequências
 » Quando estamos sendo nós mesmos?
 » Todos saem do povo mas depois...
 » Ninguém se livra do passado
 » Faleceu José Olimpio (Zinho)
 » Esquecemos de ser felizes
 » Ainda ouvimos os sinos dentro de nós
 » Regressão ao paraíso perdido
 » A vida é enfadonha
 » Humanidade muito evoluída
 » Todos dormem acordados
 » O homem sem saída de suas limitações
 » O Google te conta tudo

Voltar