28/11/2023
A Grande Fraternidade Branca existe?

A Grande Fraternidade Branca existe?

A russa Helena Petrovna Blavatsky (1831 – 1891) foi uma das participantes da fundação da Sociedade Teosófica, isso, no ano de 1875. Foi ela a primeira pessoa a falar sobre a Grande Fraternidade Branca no Ocidente. Tal fraternidade seria constituída por mestres espirituais ascensionados, um grupo de seres que alcançaram grande evolução espiritual devido as suas muitas encarnações como seres humanos. Resumindo, a Grande Fraternidade Branca seria composta por seres de luz que atuam como zeladores deste planeta no processo de evolução da consciência. Dentre tais “mestres invisíveis” muitos deles têm os seus nomes muito conhecidos neste mundo. 

A criatividade humana consegue imaginar e inventar situações inexistentes e torná-las como sendo existentes. Isso, para quem gosta de acreditar em imaginações e espalhar para outros sem raciocinar sobre a probabilidade delas.  A invenção da existência do Papai Noel que repercutiu pelo mundo inteiro até foi boa. Mesmo sendo inverídica, sempre esteve presente nas festividades de fim de ano e nunca prejudicou a consciência de alguém. Entretanto, muitas invenções de “verdades” que são mentiras, estiveram e ainda estão a poluir a cabeça de muita gente facilmente crédula. “Uma mentira contada mil vezes torna-se verdade”, (Joseph Goebbels, ministro da Propaganda Nazista de Hitler.) 

A Grande Fraternidade Branca seria, segundo a Teosofia, uma hierarquia de seres espirituais que constituiria o governo interior do planeta. A “ideia pioneira” de uma organização secreta de místicos esclarecidos orientando o desenvolvimento da raça humana “apareceu” no final do século dezoito por Karl von Eckartshausen (1752-1803) em seu livro Nuvem sobre o santuário. Desde então, surgiram outros entendidos que foram “atualizando” a tal ideia da fraternidade como se ela fosse existente. Interessante como uma ideia tida por um escritor do século dezoito “fez existir” uma fraternidade de místicos desencarnados evoluídos para serem orientadores do desenvolver mental e espiritual da humanidade.

Um dos “tidos” membros da Fraternidade Branca teria sido o famoso Conde de Saint Germain, que, pelos relatos de sua época ele era imortal e possuía o elixir da juventude. Entretanto, ele que nasceu em 1696 morreu em 1784, embora seja incerta essa data. Quando será que a humanidade vai acordar, vai despertar para a realidade? Para este mundo que mais parece ser um teatro de comédias e que tanto distrai a humanidade, será que nunca ela vai deixar de ser tão ingênua ao acreditar em tudo que lhe é divulgado e não se sustenta como verdade ou realidade? 

Altino Olimpio



Leia outras matérias desta seção
 » Quando a vida é bela ou cor de rosa?
 » Reflexões 
 » Só sei o pouco que sei e mais nada
 » Conversa entre amigos do antigo Orkut
 » O “me engana que eu gosto” é sempre atual
 » A mulher do ai, ai, ai
 » Quando nós seremos nós mesmos?
 » Viver muito cansa?
 » A aventura de viver
 » Esquecidos, o céu, o sol e a lua 
 » Uma lembrança que a memória não esqueceu
 » Tempos felizes de molecagens
 » A importância da vida
 » O destino
 » Quem somos nós diante de tantas influências
 » Dois textos
 » A vida como ela é...
 » Mensagens telepáticas
 » A minha iluminação
 » Rapidinhas do Altino

Voltar