» Colunas » Saúde

15/11/2011
Trayenta, novo medicamento para diabéticos

Noticias

Ótima noticia para os diabéticos tipo 2
10/11/2011 - Fonte: Portal Diabetes  

Depois da aprovação pelo FDA (Food and Drug Administration) nos EUA e pela European Medicines Agency na Europa, o medicamento Trayenta, indicado para o tratamento do Diabetes tipo 2 foi autorizado no Brasil pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

A notícia foi anunciada no último Congresso Brasileiro de Diabetes, realizado no final de outubro. O principal diferencial deste medicamento, cujo princípio ativo é a linagliptina, é que ele não precisa de ajuste de dosagem para pacientes com problemas renais ou insuficiência hepática. Isto porque o composto é excretado primariamente por via biliar e pelo intestino. A indicação de dosagem é de apenas um comprimido por dia.

O Trayenta, desenvolvido pelo laboratório Boehringer e comercializado em parceria com o laboratório Eli Lilly, faz parte de uma linha de medicamentos para diabetes considerada inovadora. O princípio ativo se liga à enzima DPP-4, inibindo a sua ação. Esta enzima, nos diabéticos tipo 2, é a grande responsável pela degradação do hormônio GLP-1, o qual é produzido pela porção final do intestino delgado, e este hormônio é o responsável por levar a informação ao pâncreas para que este produza a insulina. Inibindo a ação da enzima DPP-4, não ocorre a degradação, desta forma, melhorando a resposta do pâncreas ao estímulo do hormônio GLP-1.

Este novo medicamento é uma feliz notícia aos Diabéticos do Tipo 2, que chegam a 95% do total de diabéticos no mundo.
 



Leia outras matérias desta seção
 » Vacinação: Perguntas e Respostas
 » Coronavírus :em nossas UTIs as mortes são altas
 » Melatonina uma muralha contra o covid19 no pulmão
 » Coronavírus: A nova variante mais contagiante
 » Coronavírus: Cientistas da USP fazem um panorama da situação
 » Alimentos que reduzem o colesterol e o triglicérides
 » Droga experimental pode reverter problemas na memória
 » Teste do covid19 pela saliva
 » Coronavírus: inflamassomas
 » O calor veio para ficar
 » Artrite reumatóide x hemopressina
 » Cirurgia combinada catarata mais buraco macular
 » Coronavírus o que temos hoje para combater
 » Própolis vermelha é anticancerígena
 » Catarata: proteína pode estar ligada a ela
 » Coronavírus: Vitamina D ajuda
 » Bactérias da Antartica contra o câncer
 » Corticóides contra o coronavírus
 » Zolgensma o absurdo de US$ 2 milhões
 » Com tratamento precoce risco de morte cai


Voltar