24/04/2008
Somos Exemplos

Parece demagogia sempre enaltecermos nosso município, mas, o mundo poderia se espelhar em nós para poder promover as mesmas qualidades de vida. Somos compartilhantes de todos os êxitos deste país conforme expostos no último comício onde nossa gente nacionalmente politizada compareceu. O comício foi programado para recebermos a honrosa visita do mais atual e importante empreendedor do progresso deste abençoado país. Com o palanque repleto por autoridades regionais e por outros expressivos desta nossa sociedade, o apresentador, como um “mestre de cerimônias” deu início ao evento:

“Companheiros, camaradas, irmãos, amigos, aqui estamos nós sempre na atualidade e na prosperidade da raça humana e por isso trouxemos para este nosso rincão aquele que dentre nós é o maior expoente das verdades da vida. Nesta cidade limpa onde todos têm suas ocupações, embora proibamos mascates nós toleramos biscates. Aqui onde ninguém fica imóvel até chove automóvel. Somos do plástico e do papel como só somos melhoramentos. Agora, com uma calorosa salva de palmas, com carinho recebam nosso convidado: Estevão Hazzedo”.

“Estevão mais importante que religião, ele é quem domina a nação. Já sempre vencedor de tudo, todos querem Estevão Hazzedo cada vez mais cedo como o melhor para a população. Uma vez com Estevão nunca mais sem Estevão. Todos vivem apenas por Estevão embora disfarcem nos negócios, nas propriedades, nas viagens, nas distrações, nas instruções, na política, na filosofia e na religião. Estevão é o caminho e a verdade. Ninguém de verdade é pai sem Estevão Hazzedo a orientar. Estevão é o nosso único líder e a nossa única direção. Só mesmo Estevão provoca delírios e atende aos apelos da nação. Cobiçado por todos países, neste nosso Estevão é mais idolatrado. Minha gente! Vamos pra frente com Estevão na eleição”.

Como foi possível constatar, nós desta terrinha sempre estivemos na vanguarda a desvendar as verdades que ficam ocultas no cotidiano. As verdades sempre fazem com que vivamos na autenticidade e sendo assim, nossa cidade é muito calma e à noite é até meio deserta. Não se vêem por aqui pessoas iludidas com ilusões e, muito menos, fanáticas por superstições. Cada um fica na sua com o direito que tem, se quiser, de se entreter com o que seja abstracional, transcendental e que foge do domínio público comum, pois, o que é impossível para a assimilação ou compreensão igual de todos, não deve ser exteriorizado.

Altino Olímpio

Leia outras matérias desta seção
 » Conversa ocasional
 » Por que viemos ao mundo?
 » O passado convive com o presente
 » Os traídos e os traidores
 » Os exagerados do Youtube
 » Os que não sabem são os que mais sabem
 » Brasil, fonte do saber
 » Seres humanos que muito irritam
 » A Torre de Babel brasileira
 » Pegando pesado
 » Pensamentos lúcidos
 » O diálogo entre um Ateu e um Espírita
 » O gostar de alguém sem o alguém saber
 » Má temática da vida
 » Avenida Paulista amarelada
 » Tempo e a submissão a ele
 » Os simples e os gênios da humanidade
 » História apavorante
 » É proibido e pecado se suicidar
 » O castigo existe?

Voltar