06/06/2018
Quando havia fascinação

Quem também teve seus tempos de fascinação devido ao assistir filmes, pelos quais aquelas artistas bonitas (estrelas de cinema) a todos encantavam. Era apaixonante assisti-las em cenas românticas. Elas se tornavam desejos que nunca se realizariam. Mesmo assim enamorei-me de algumas delas: Romy Schneider, Sara Montiel, Susan Hayward. Eram o enamorar de jovem sonhador que ainda não havia encontrado o seu amor (risos). E o cinema além de promover costumes também foi responsável por criar muitas ilusões. Mas, no passado os filmes tinham melhores enredos e valia à pena assisti-los.

Este breve escrito mais está para, através do link abaixo, recordar as muitas artistas do passado que encantaram milhões de pessoas com suas belezas e suas representações cinematográficas. Muitas delas não foram conhecidas por muitas pessoas desta época. Entretanto, podem ser reconhecidas e lembradas por aqueles que hoje são idosos e que poderão sentir nostalgia por revê-las em fotos de quando ainda estavam em seus esplendores.

 

https://www.youtube.com/watch?v=5oB1aUAggrQ

 

Altino Olympio



Leia outras matérias desta seção
 » Chegando ao começo do fim da vida
 » Nada de novo sob o sol
 » Quando havia fascinação
 » Nossos heróis morreram e outros não nasceram
 » Quem é você leitor?
 » Clube da Terceira Idade de Caieiras
 » Comparação decepcionante
 » Passeio do viver interior
 » Entrada provisória e saída temporária
 » A redundância só irrita
 » Cinemas antigos:Aquele mundo romântico acabou
 » Como era verde o meu vale
 » O viver é a viagem para o morrer
 » Percepção extrassensorial ou sexto sentido
 » Os acasos são os casos inesperados
 » A proteção desprotegida
 » Cinema paradiso de Caieiras
 » Os pagadores de promessas
 » Constatações
 » Vende-se uma cama de prego usada

Voltar